01/10/2015 às 23h16min - Atualizada em 01/10/2015 às 23h16min

Câmara vai aprova redução no salário dos vereadores de Cananéia?

Projeto esta sendo apreciados palas comissões da casa de lei, será que vai entrar na pauta na próxima sessão ou vão pedir vista para não ser votado?

A Câmara Municipal de Cananéia, esta apreciando o projeto de lei para redução dos salários deles. Os novos valores passam a valer a partir dos próximos mandatos, que começam em janeiro de 2017.

A cidade de 14 mil habitantes possui nove vereadores. O projeto foi apresentado na sessão passada em plenário, esse projeto tem que passar pelas comissões da casa. Segundo os boatos dos bastidores alguns vereadores vai pedir vista para não ser votado e cair no esquecimento dos eleitores, para que o projeto seja  rejeitado. No passado os vereadores já estavam pensando em aumentar os salários dos cargos do Executivo e do Legislativo, mas esse ano a preocupação é outra, votar ou não a redução dos seus próprios salários. Porém, no dia da primeira votação, tenho certeza que o povo vai estar La para ver o que vai acontecer...

A situação foi registrada em vídeo, e os boatos se espalharam pela internet. A população acabou indo à apresentação do projeto, e dizem que vão lotar na próxima sessão no dia 08/09.

Valores
De acordo com o autor do projeto o vereador Cesar que o salário dos vereadores abaixe R$ 5 mil para um salário mínimo paulista de R$ 905,00 – tendo em média a remuneração mensal da maioria dos brasileiros segundo dados do IBGE.  

“Estou mobilizado contra os desmandos da cidade. A idéia é criar uma lei de iniciativa ao anseio popular que diminua o salário dos vereadores porque a produção que se vê do poder legislativo municipal hoje duas sessões por mês. A principio, o objetivo é conseguir que passe pelas comissões sem pedido de vista, depois o projeto de lei será encaminhado para o plenário para ser votado. Os vereadores precisam votar e aprovar o projeto para que entre em vigor. “É a única categoria brasileira que aumenta o próprio salário".

“Eles precisam se tocar que nós somos empregados do povo e não patrões do povo”.

“Tudo o que for a favor do povo eu estou dentro. Fomos às ruas em busca de mudanças para o Brasil e elas estão acontecendo. Agora o vereador está propondo uma mudança porque vereador não é profissão nem pode ser carreira.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp