01/01/2021 às 22h44min - Atualizada em 01/01/2021 às 22h44min

Brigas generalizadas em Cananeia, na madrugada de ano novo...

Na madrugada dessa sexta-feira, foram registrados vários tumultos no centro da cidade de Cananeia. Polícia foi obrigado a usar bombas de gás, para dispersar os brigões.

- Redação: PC & Natan Arcanjo MTB 799553
Fonte JNC
A polícia militar conduziu G. V.S. por desacato. Os policiais militares disseram que, em patrulhamento de rotina, avistaram uma briga generalizada ocorrendo nas proximidades da Igreja Matriz, sendo que ao pedir às pessoas que saíssem no local, G. Desacatou os policiais, xingando com palavras de baixo calão.
Diante as ofensas, os policiais realizaram a abordagem em rapaz, o qual correu e resistiu à abordagem, precisando ser algemado para segurança da equipe, por mostrar-se agitado. Constataram que Gustavo já apresentava lesões no rosto devido à briga anterior. Diante do cenário apresentaram o homem na delegacia de polícia para as providências legais de polícia judiciária. O acusado relatando sobre os fatos, disse que estava com sua namorada V. quando um indivíduo desconhecido falou com ela e o chamou para briga. Disse que depois que a briga já havia acabado os policiais militares passaram no local e conversaram consigo. Apos dez minutos, a equipe policial chegou e o abordou, com uma “gravata”, batendo em si e o algemando, sem motivo nenhum. Afirmou que não desacatou os policiais, que apenas estava nervoso com o indivíduo com quem brigou, mas não falou nada aos policiais. Que sua abordagem foi gravada pela sua namorada, sendo que se compromete a apresentar o vídeo em data oportuna. Outras ocorrências compareceram na Delegacia de polícia os policiais militares, conduzindo J. R. J e L.L S por desacato e lesão corporal contra os policiais militares. Os policiais militares relataram que, em patrulhamento de rotina pela Praça Martim Afonso de Souza, J. Desacatou os policiais, dizendo com palavras ofensivas. Diante das palavras proferidas, os policiais tentaram realizar a abordagem em J, o qual resistiu à abordagem dizendo que ninguém o encostaria, precisando ser algemado para segurança da equipe por mostrar-se bastante agitado, usando de forca moderada para tal. Durante a abordagem, L. L., prima do acusado, falou para a equipe policial soltar ele, jogando uma garrafa na direção da equipe, acertando o Sd Donald e Sd Farias na cabeça, os quais ficaram lesionados. Apos as partem estarem contidas, J. foi submetido à revista pessoal, sendo encontrada no bolso de sua bermuda uma bucha de maconha, além de um dichavador. Diante do cenário apresentaram os autores nesta delegacia de polícia para as providencias legais de policia judiciária.
Nas redes sociais, a opiniões estão dividida, muitos acham que a polícia agiu bem, muitos acham que a polícia agiu bem, outros comentários, que foi exagerado à ação da polícia por ter jogado as bombas de gás lacrimogêneo.
 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp