29/03/2021 às 15h46min - Atualizada em 29/03/2021 às 15h46min

DIVISÃO DE FISCALIZAÇÃO DE ILHA COMPRIDA ATENDEU 35 DENÚNCIAS DE DESRESPEITO AOS PROTOCOLOS PREVENTIVOS AO COVID-19

Entre as ações da Fiscalização, houve o socorro a uma cachorra com suspeita de ter sido esfaqueada
Em plantão 24 horas, a Divisão Municipal de Fiscalização atendeu, no final de semana, 35 denúncias de aglomerações no município. Segundo o diretor Sérgio Morato, as pessoas – na maioria famílias - foram orientadas a usar máscara e a cumprir os protocolos preventivos ao Covid-19. Foram atendidas 3 denúncias no Viaréggio, 8 no Porto Velho, 14 no Araçá e 9 na Ponta da Praia.
Também houve rondas preventivas em diversos pontos da cidade , praias e avenidas , durante o final de semana e apoio à fiscalização orientativa na entrada da cidade. Além da orientação, a Fiscalização Municipal lacrou um estabelecimento comercial por venda de produtos no balcão; orientou pessoas que estavam acampando na areia e encaminhou uma cachorra - com suspeita de ter sido esfaqueada – para cirurgia em sistema de urgência na Zoonoses Municipal. “Entramos em contato com a direção do Departamento de Saúde que autorizou o socorro”, afirmou.
Nas rondas noturnas, houve vistorias em estabelecimentos, mas sem flagrantes de desrespeito às regras Covid. “ Com raras exceções, foi um final de semana com respeito às normas preventivas, o que mostra que as pessoas estão colaborando . As praias centrais da Ilha estiveram vazias, o comércio contribuiu e não tivemos ocorrências graves “, afirmou Morato que reitera a necessidade de todos os segmentos cumprirem os protocolos preventivos ao Covid-19.

Link
Notícias Relacionadas »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp